5 receitas de Bloody Mary para apimentar suas noites

Não se sabe ao certo a história desse clássico, mas acredita-se que o Bloody Mary foi inventado na década por um bartender em Paris. A ideia surgiu a pedidos de clientes norte-americanos que queriam levar para casa uma bebida com uma aparência que escondesse o teor alcoólico e que fosse fácil de preparar, já que os Estados Unidos viviam em épocas de Lei Seca.

A mistura inusitada de vodca com suco de tomate e outras especiarias ganhou adeptos e, somente em 1934, ganhou o nome de “Bloody Mary”, em Nova York. “Maria Sangrenta” surgiu em homenagem à rainha Maria I, conhecida como sanguinária.

A fama do drink vai além de sua história ou sabor picante. A bebida também é conhecida como uma ótima cura para ressacas, por ter sal, suco de tomate e limão em sua composição. Gostou? Veja 5 receitas para fazer o seu próprio Bloody Mary em casa:

pssst... um pequeno à parte...

Neste diretório de artigos vai encontrar certamente o conteúdo que procura! A nossa equipa empenha-se diáriamente para procurar conteúdo relevante e publicar neste diretório sobre todas as temáticas possíveis e a nossa única fonte de receita é através dos cliques na publicidade que vai encontrar ao longo do artigo.

Obrigado pela sua visita e compreensão, boa leitura!

1. Bloody Mary defumado

Essa versão do drink é perfeita para ser servida como aperitivo antes de um jantar. O segredo aqui é tostar os tomates na boca do fogão até que a pele fique bem preta, para dar aquele sabor defumado ao drink. Experimente!

2. Bloody Mary com molho de chipotle

Ao invés de utilizar molho de pimenta comum ou tabasco, nessa versão, utiliza-se o Chipotle para apimentar a bebida. Coloque o talo de salsão de molho em uma vasilha com água e gelo para mexer melhor o drink.

3. Bloody Mary com gin

Foto: iStock

Nessa receita, a vodca sai de cena e dá lugar ao gin, que é misturado com os outros ingredientes. Você deve montar o drink de maneira diferente: procure colocar em uma taça tipo aquelas de martini e retire o gelo.

4. Bloody Mary clássico

A versão clássica do famoso drink cura-ressaca, com todos os ingredientes tradicionais. Aproveite que o Halloween está chegando e a bebida tem tudo a ver com a data. Abuse da sua criatividade e use o drink como parte da sua festa!

5. Bloody Mary sem álcool ou suco de tomate temperado

O Bloody Mary é um drink que pode ser servido tanto com vodca, gin e outros destilados, quanto sem álcool, como um suco de tomate temperado mesmo. Neste caso, deixe por bastante tempo na geladeira e coloque gelo no copo para que o gosto salgado não predomine tanto. Escolha a opção que desejar!

É importante se atentar a alguns detalhes essenciais para preparar o Bloody Mary perfeito: utilize sucos de tomate consistentes, não bata o suco de tomate na coqueteleira e atente-se sempre à proporção, que deve ser uma dose de vodca para duas de suco de tomate. Capriche na apresentação e aproveite o drink clássico e cheio de sabor e personalidade!

Autor Convidado

Sou um escritor freelance e nómada digital. Dedico a minha vida a explorar as principais estratégias de marketing. Por cinco anos, tenho partilhado a minha própria experiência a alunos, por forma a ajudá-los a desenvolver novas habilidades. Como viajar é a segunda forma de reconhecer o mundo, fico imensamente feliz em deixar os leitores também felizes com dicas e inovações.

Quem somos

Este será o maior diretorio de artigos DOFOLLOW.

Os objectivos são simples: ajudar qualquer pessoa ou entidade a divulgar o seu negócio através da partilha de conhecimento, ferramentas, serviços e soluções. Colocando em prática uma Estratégia Digital eficiente, capaz de captar audiências.

Assim sendo, queremos não só publicar os seus conteúdos, mas sobretudo continuar a aprender em conjunto com todos os nossos leitores como colaborar para esta mudança digital, estimulando o estudo e aprendizagem das técnicas e recursos da Internet.